Planta Brilhantina

A planta brilhantina nada mais é do que um cosmético que fica apresentado em formas de pomada utilizadas para se modelar o cabelo. Atualmente a composição vem de parafina líquida, parafina comum, e ainda o chamado petrolatum, que são ingredientes essenciais das pomadas atuais e ceras fixadoras e ainda fixadores e finalizadores para os cabelos.

Antigamente a brilhantina era feita de seiva de árvores e seringueiras, e tinha um efeito mais brilhante porém era um efeito mais danoso aos cabelos. A sua utilização aconteceu em larga escala até os anos setenta, tendo assim seu apogeu nos anos cinquenta, servindo de nome para o musical “Grease”, que de forma literal significa brilhantina em inglês o que marcou principalmente esta época.

Tecnologias diferenciadas e produtos industrializados

Com o tempo passando a mistura foi sendo aprimorada, para produtos mais suaves e que não dessem tantas reações nas pessoas como alergias ou mesmo quedas de cabelos, e seu uso então devido a estes diversos problemas foram substituídos por vários produtos como por exemplo o gel fixador, os mousses para cabelos. Com isto temos como principais reclamações também contra a brilhantina os problemas de aspecto gorduroso que dava ao cabelo, e o visual engomado ou mesmo de a vaca lambeu os cabelos, o que era uma expressão bastante comum utilizada aqui no Brasil por quem usava este tipo de produto.

Com isto a brilhantina veio aos poucos sendo reutilizada pelos fãs de rock’n’roll e cantores “rockabilies” estes que costumam se vestir exatamente como os ídolos destas décadas de 50 e 60 com seus cabelos brilhosos e ainda altos topetes impecáveis.

As plantas consideradas brilhantinas também podem ser consideradas como crisântemos, margaridas e ainda Heucheras, que são bastante conhecidas mas não por este nome. Com toda esta fabricação em larga escala, o produto passou a deixar de ter seus compostos naturais e passou a ser um produto muito mais industrializado gerando problemas para quem utilizava. O composto era realizado com uma série de óleos para plantas, que juntos a uma pequena quantidade de parafina e também vaselina faziam do composto natural que era um óleo um produto para passar nos cabelos utilizados principalmente por homens mais vaidosos.