Dicas para Plantar a Flor Amor Perfeito

Planta amor perfeito

Usar flores e plantas ornamentais na decoração de uma casa é muito comum, elas também são uma excelente opção para ambientes internos.

Devemos ressaltar que algumas espécies se adaptam apenas em ambientes externos, que possibilitam a planta receber luz direta e umidade natural do ar. Outras devem ficar a meia sombra, longe de correntes de vento e dos raios solares. Portanto, antes de adquirir uma planta é preciso verificar quais os cuidados básicos que ela necessita e qual o tipo de ambiente ideal para o seu cultivo.

O amor perfeito é uma flor muito popular, sua aparência delicada a torna muito especial. Suas flores são grandes e bem vistosas, elas possuem manchas variadas que também podem ser coloridas e de formatos diferentes. As combinações mais comuns são: branco, roxo, amarelo, marrom e tons de rosa. Em geral essas cores são bem vibrantes e vivas.

A floração do amor perfeito acontece durante os meses de inverno e na primavera, portanto, a época ideal para planta-la é em meados de março. Essa planta possui um ciclo de vida perene e pode atingir entre 20 e 30 cm de altura.

O amor perfeito é comumente cultivado em maciços bem densos em canteiros. Essa planta é delicada e sensível, por isso ela deve ser plantada a meia sombra, evitando a incidência de raios solares diretamente na planta. Por isso, essa espécie se desenvolve melhor nas regiões de temperatura mais fria, como no sul do país.

Podemos dizer que o ciclo de vida do amor perfeito é anual, pois ela perde um pouco da sua beleza quando não está florida. Para que ela floresça bela e saudável é importante que a terra seja fértil e rica húmus.

As regas devem ser regulares, assim que o solo estiver levemente seco coloque mais água, mas sempre evitando encharcamento.

A reprodução dessa espécie deve ser realizada por sementes, que por sua vez, devem ser semeadas no outono, o húmus é fundamental nessa fase inicial de plantio. A germinação ocorre entre 14 e 28 dias após o plantio.

O amor perfeito além de ser uma espécie ornamental, também é utilizada na gastronomia (é totalmente comestível), na fabricação de pomadas caseiras e também para chás.

Comentários

Comentários